Notícias
10/05/2019

Categoria aprova adesão à paralisação nacional do dia 15/05



Ainda chocados com o corte de cerca de 37% nas verbas de custeio do Instituto Federal de Sergipe (IFS), os servidores filiados ao Sinasefe Sergipe se reuniram em assembleia geral e aprovaram uma série de ações para reverter essa decisão do Governo Bolsonaro.

Uma das ações é a adesão à paralisação nacional em defesa da educação, que vai acontecer na próxima quarta, dia 15. À tarde, às 15h, na Praça General Valadão, acontece um grande ato público, em conjunto com outros trabalhadores.

Antes disso, na segunda, dia 13, às 9h, os estudantes vão realizar um aulão no IFS Campus São Cristóvão, para conversar sobre os efeitos dos cortes e mobilizar a luta.

Na terça, dia 14, acontece panfletagem nos campi durante o dia. No fim da tarde, tem uma ação na porta do IFS Campus Aracaju, com panfletagem e uma ‘calculadora da previdência’, onde a pessoa pode colocar dados como data de nascimento e tempo de contribuição e saber quando poderá se aposentar.

“Nós estamos sendo bombardeados de todos os lados. É reforma da previdência, é corte na educação, extinção de conselhos, fim de pesquisas. Este governo está como um trator destruindo tudo que já foi conquistado e tudo que possa ser feito. Temos que nos defender”, disse Guthiêrre Araújo, coordenador geral do Sinasefe Sergipe.

1º de maio

A palestra da historiadora Sharlene Prata trouxe a importância de se comemorar o Dia do Trabalhador. “É bom ressaltar que o dia é do trabalhador, e não do trabalho. Isso é uma forma de ‘domesticar’ a data, de tirar a importância dela. A data foi escolhida por conta de um massacre numa greve de trabalhadores, na cidade de Chicago [EUA], no ano de 1886. A gente não pode esquecer que muitos morreram para termos os direitos que temos hoje, e que o governo atual tenta destruir”, disse a palestrante.

Unimed

De 20 de maio até 20 de agosto, vai haver uma atualização do termo de adesão do filiado ao plano de saúde Unimed. Durantes estes 90 dias, cada filiado que possui esse plano deve comparecer à sede do Sinasefe Sergipe, atualizar os dados e assinar o termo de adesão. Ficou decidido na assembleia que quem não fizer a atualização cadastral será excluído do plano de saúde.

A categoria também decidiu que, a partir de agora, o pagamento será obrigatoriamente por débito em conta.

Nova sede

O escritório Ygor Prudente Arquitetos apresentou o projeto para a nova sede. O prédio contará com três pavimentos (térreo, primeiro e segundo andares), com plataforma de acessibilidade, salão de reuniões, estúdio de TV e um terraço, com estrutura de cozinha e equipamentos para realização de festas, curso, debates, entre outras atividades. O projeto foi aprovado pela categoria e agora o Sinasefe Sergipe segue para a próxima fase: aprovação de documentação e contratação de construtora.

GALERIA

Gostou? Compartilhe a nossa luta!